Engenheiro(a) de Pré-Comissionamento – Subsea 7 – Centro do Rio

  • Período Integral
  • Centro do Rio
  • a combinar R$ / Month

Subsea 7

Informações da vaga:

Atenção as exigências da vaga!

Descrição da vaga:

Engenheiro(a) de Pré-Comissionamento – Subsea 7 – Centro do Rio

Missão do cargo: A função dessa(e) engenheira(o) é ser responsável pelo flushing, enchimento, limpeza, calibração, inspeção interna, testes de vazamento e hidrostático, desalagamento, secagem, condicionamento, purga e vácuo de dutos rígidos e flexíveis, jumpers rígidos e todos os testes necessários para garantir o transporte apropriado, instalação e pull-in de umbilicais, EFLs & SFLs. A atividade de engenharia abrange atuação onshore (no escritório, canteiros de fabricação e sites logísticos) com posterior suporte offshore durante a execução das operações a bordo de embarcações da Subsea 7 e de empresas terceirizadas. Essa posição deverá garantir uma boa interface com o Cliente, fornecedores, aquipe a bordo, simes de design, fabricação, planejamento, logística e SCM.

A(o) candidata(o) adequada(o) deverá ser responsável pela entrega de soluções nos projetos e licitações com foco específico em segurança e custo e também será responsável por prover soluções em diferentes cenários de instalação de equipamentos.

Essa é uma grande oportunidade para alguém que deseja progredir em sua carreira em uma empresa global de engenharia, trabalhando em um ambiente estimulante onde treinamentos e oportunidades de aperfeiçoamento estarão disponíveis.

RESPONSABILIDADES E ATRIBUIÇÕES
Responsabilidades e Desafios Principais:

Executar as atividades sem supervisão definidas dentro do projeto ou processo com qualidade, segurança e contribuir para o cumprimento dos prazos estabelecidos em cronograma. Gerenciar um time de engenheiros para entregar um escopo específico;
Elaborar produtos (tais como especificações técnicas, planos de içamento, metodologias, task plans, listas de equipamentos, etc.) e participar da especificação de serviços, que pode incluir: suporte técnico, cálculos de projeto, especificações, procedimentos operacionais, análises, relatórios de progresso, avaliações de licitação, relatórios de estudos, participar ainda de reuniões (periódicas ou não) e atender à solicitação de terceiros, dentro de suas limitações de conhecimentos técnicos;
Elaborar documentação técnica de projeto e assiná-la como autor/revisor. Revisar e aprovar documentação de outros engenheiros e de fornecedores. Produzir o MDR/SDR no projeto. Garantir o cumprimento das datas de emissão e revisão dos documentos;
Atuar e se responsabilizar pelas atividades de campo (onshore ou offshore), sempre que requerido como, por exemplo, em mobilizações e desmobilizações de equipamentos, navios, testes em equipamentos em bases de fornecedores, canteiros, etc. Supervisionar profissionais mais júniores;
Executar contatos com clientes, entender as necessidades destes, identificar e resolver problemas de projeto mais complexos e aprovar soluções;
Interagir com terceirizados, acompanhar e verificar os serviços prestados;
Representar a Subsea7 em reuniões com Clientes e empresas terceirizadas e discutir assuntos técnicos;
Conhecer e seguir os processos de engenharia apresentados no BMS (incluindo aqueles divulgados apenas no Sharepoint do departamento), assim como garantir o uso deles por engenheiros mais júniores;
Responder durante auditoria interna;
Acessar o COE (Community of Experts) sempre que necessário e indicar aos profissionais mais júniores como fazê-lo;
Sugerir padronizações das rotinas de trabalho;
Registrar, divulgar internamente e utilizar lições aprendidas em projetos;
Analisar criticamente todo o trabalho de engenharia realizado por terceiros, garantir a segurança nas operações e aprovar oportunidades de melhoria que otimizem o trabalho, até mesmo propondo inovações;
Treinar e mentorar engenheiros mais júniores e estagiários;
Alocar suas horas de trabalho no sistema e assegurar que os códigos, centros de custo e descrições estejam corretos.

Responsabilidades e Desafios da Disciplina:

Contribuir na identificação de possíveis variações de escopo, registrá-las e divulgá-las ao líder da equipe de trabalho (projeto);
Elaborar e aprovar o cronograma do projeto;
Elaborar e aprovar um deck layout;
Se familiarizar com os tipos de embarcações com as quais trabalhará (por exemplo: AHTs, PLSVs, RSVs, Balsas, FPSOs (Plataformas em geral), etc.) e avaliar sua compatibilidade com o escopo a ser executado;
Se familiarizar com os equipamentos das embarcações com as quais trabalhará (por exemplo: tipos de guindastes e guinchos, suas limitações, tipo de ROV, suas ferramentas, etc.);
Treinar engenheiros mais júniores sobre os equipamentos de içamento a serem utilizados em operações onshore e offshore;
Guiar na identificação de todos os equipamentos de instalação necessários para a execução de um projeto;
Revisar e aprovar (sob o ponto de vista de um engenheiro de pré-comissionamento) o design de estruturas, quando necessário;
Cumprir ciclos de “embarque x folga x escritório” de acordo com a escala que será elaborada pelo projeto em alinhamento com o departamento funcional;
Atuar em reuniões de análise de risco (“HAZIDs” – Hazard Identification, “HAZOPs” – Hazard and Operability Study, PHAs – Preliminary Hazard Analysis) sempre que requerido, onshore e offshore;
Suportar o projeto na elaboração de MOCs, propostas de melhoria, VOs, etc.;
Prover o time de análises numéricas com dados básicos para análises computacionais de instalação, sempre que necessário;
Promover a interface com colaboradores do departamento de Operações, onshore e offshore, e garantir a troca de informações necessárias para a boa execução das atividades;
Quando estiver offshore, agir como ponto focal de contato com a engenharia onshore (ser a “ponte” entre embarcação e escritório);
Quando estiver offshore, promover a leitura de procedimentos operacionais junto com a equipe de Operações, a fim de esclarecer eventuais dúvidas e garantir o entendimento de toda a equipe envolvida no projeto;
Quando estiver offshore, verificar a lista de materiais relacionados ao projeto a ser disponibilizado a bordo (pela Subsea7 e/ou pelo Cliente). Elaborar lista de materiais a bordo em casos especiais (mudanças de escopo, situações de emergência, etc.);
Quando estiver offshore, avaliar tecnicamente e qualitativamente o recebimento dos materiais de projeto mobilizados para a embarcação e auxiliar no planejamento das operações;
Quando estiver offshore, suportar o almoxarife, quando possível, a verificar quantitativamente os materiais de projeto recebidos;
Quando estiver offshore, conferir a certificação dos materiais de projeto disponíveis a bordo antes de sua utilização;
Quando estiver offshore, orientar o pessoal de bordo com regras e boas práticas de utilização e armazenamento de cintas e massames;
Quando estiver offshore, atualizar o Motion Kinetic com as informações e status de massames e equipamento necessários;
Quando estiver offshore, para estaiamento de cargas especiais e/ou não rotineiras, acessar o time de Estruturas (onshore) e consultar quanto à melhor prática a ser adotada e, se necessário, solicitar memória de cálculo para sistema de estaiamento (placas de apoio, soldas, cabos tensionados, etc);
Quando estiver offshore, verificar durante a execução do projeto se há impedimento de seguir com a operação baseado nas análises de instalação contidas nos procedimentos operacionais. Agir de forma a suportar a continuidade das atividades;
Quando estiver offshore, suportar tecnicamente o projeto e/ou mudanças de escopo (“MOCs”) de acordo com seu nível de conhecimento. Em caso de desconhecimento, buscar suporte de colaboradores mais sêniores;
Quando estiver offshore, identificar, registrar e disseminar oportunidades de melhorias durante as operações, tais como: melhorias no próprio lay spread e equipamentos, aumento de segurança e produtividade, minimização/eliminação de possíveis downtimes, inovações, etc.;
Quando estiver offshore, participar das calls rotineiras entre o pessoal a bordo e o time de suporte onshore. Ser o ponto focal e informar constantemente o time de projeto onshore no caso de indisponibilidade do Offshore Manager;
Quando estiver offshore, auxiliar no planejamento de trabalho para as próximas operações da embarcação. Sempre registrar as principais atividades executadas e alertar seu “back” sobre pontos de preocupação/alerta em relatórios de “handover”;
Quando estiver offshore, garantir a realização do KoM do projeto junto aos engenheiros onshore, de acordo com a programação do Cliente;
Quando estiver offshore, suportar a análise de indicadores de desempenho em conjunto com o Offshore Manager e o Coordenador de Operações Offshore;
Quando estiver offshore, ser um agente de influência na redução de danos ao produto e melhoria de segurança. Participar de discussões e propor melhorias para as atividades a bordo (equipamentos, acessórios, etc.);
Quando estiver offshore, prestar atenção e tentar identificar a incidência de comportamentos e/ou atitudes, condições e processos inseguros e/ou outros correlatos, relatar ao superior imediato offshore e registrar ou solicitar o seu registro de acordo com as ferramentas disponíveis no sistema da Subsea7;
Quando estiver offshore, zelar pela sua segurança e pela da equipe durante as operações. Monitorar a implementação das medidas preventivas/corretivas resultantes de análises de risco e/ou providenciá-las quando for necessário.

REQUISITOS E QUALIFICAÇÕES
Graduação em engenharia (naval, mecânica, civil, militar, produção e afins) experiência relevante na indústria offshore; Habilidade de se comunicar eficientemente em inglês (linguagem falada e escrita);
Habilidade de se comunicar eficientemente em Inglês (linguagem falada e escrita);
Habilidade de liderar uma equipe e lidar com múltiplas disciplinas de conhecimentos variados;
Experiência em escopos de pré-comissionamento em dutos e umbilicais;
Experiência de trabalho onshore e offshore já tendo sido parte de um time de projeto;
Conhecimento adicional é desejável (não mandatório) nos seguintes assuntos:
Válvulas e sistemas de conexão submarinos;
Sistemas de produção e controle submarinos;
Flow assurance;
Instalação em projetos SURF;
Planejamento.

INFORMAÇÕES ADICIONAIS
Time de Pré-Comissionamento e Intervenção Remota – Departamento de Engenharia de Instalação Brasil;
O trabalho será executado no escritório do Porto do Rio. Atualmente é adotado o regime híbrido, sendo o colaborador facultado até 2 dias em trabalho remoto por semana;
Viagens locais e internacionais podem ser necessárias;
Ir offshore ou à locações onshore durante a fase de execução operacional do projeto conforme necessário.

Vaga divulgada no RJEMPREGOS.NET

Obs: em vagas que solicitam o envio de curriculo por e-mail, sempre envie o curriculo no corpo do e-mail e em anexo.

Clique no botão abaixo "Candidatar-se à Vaga" para acessar o link, e-mail, local de comparecimento ou whatsapp da empresa contratante.

Dica: tenha atenção ao anunciado da vaga, as vezes por algum detalhe você pode ser eliminado da seleção, não esqueça de manter seu curriculo atualizado, boa sorte!

Candidate-se no botão abaixo.

Para se candidatar a esta vaga visite subsea7.gupy.io.